Carta das Católicas pelo Direito de Decidir ao Papa Francisco

Via Católicas pelo Direito de Decidir

Estimado Papa Francisco:

Como Católicas pelo Direito de Decidir, apreciamos sinceramente que, no marco do Ano da Misericórdia, você tenha compreendido o dilema em que muitas mulheres se encontram diante do imperativo de interromper uma gravidez não desejada e em consequência disso tenha concedido aos sacerdotes, já não mais única e exclusivamente aos bispos, a função de absolver o que tem chamado de “o pecado do aborto”. Continuar lendo

Anúncios